A virada do Google Reader

No mês passado o TechCrunch mostrou a pontência do BlogLines, desbancando de longe a concorrência dos outros agregadores de Feed.

No dia 16 de Fevereiro, foi anunciado que o Google Reader começaria a mostrar corretamente o número de assinantes dos feeds. Antes, não importasse quantos assinantes pelo Google Reader seu site tivesse, era contabilizado apenas 1 leitor pelo FeedBurner.

Hoje, dia 17, o Google cumpriu o prometido e agora vários blogs estão dando pulinhos e cantando Sandra Rosa Madalena para comemorar o salto no número de assinantes dos seus feeds.

Ex: BrPoint, MeioBit, TechBits

Pelo jeito, agora sim poderemos ver o quanto o Google Reader é grande e não sabíamos …. alguns dizem que ele já possui o dobro de usuários do BlogLines.

Bom, pelo menos temos a certeza de ter excelentes serviços. Todos aclamam o BlogLines, a maioria usa o GoogleReader e eu continuo com preferindo o NetVibes 🙂 .

 

[bl]Google, Feed, Celulares[/bl] [tags]BlogLines, NetVibes, Google Reader[/tags]

4 comentários

  1. Thiago Rodrigues

    Agregadores online estou com você, prefiro o netvibes.
    Porém estou utilizando um agregador de feed offline, o Feed Reader 3.08.
    Prefiro offline, pois se por acaso fico sem internet posso muito bem ler blogs pelo meus feeds.
    Abraço

  2. tonobohn Autor do post

    Thiago, eu também usava o Feed Reader, mas ele deixava minha conexão um pouco lenta, e leitores desktops não me agradam muito pois só podem ser usados no micro local.

    Mas dos leitores desktop, com certeza o Feed Reader é o melhor.

    Abraço

  3. Thiago Rodrigues

    tonobohn, neste sentido você tem razão, mobilidade. hehe
    Mas para mim não tem problema, só acesso da minha casa.
    Mas até como forma de backup eu tenho o meu OPML (um pouco desatualizado) no Google Reader, se eu precisar um dia achar algo, dá para ir lá.
    A respeito da conexão, nunca percebi nenhuma variação de velocidade, aqui fica a mesma coisa.
    Abraço

  4. Alexandre Fugita

    Cada tipo de leitor de feeds tem sua vantagem. Fico com o on-line. E como mostrado neste texto, o Google Reader que era o patinho feio mostrou-se o cisne da história com mais leitores do que os outros.

    Abraços!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.