Web
Analytics

Como Cuidar de Crianças Hiperativas?

Quando uma pessoa vê uma criança – seja menino ou menina – a mil por hora; que não consegue ficar quieta um só segundo mais parecendo que está ligo em uma tomada de 220 V pode até parecer que é normal já que o ditado afirma que criança quieta é criança doente.

Contudo, existe algo que faz com a medicina diferencie o que é uma criança levada de uma que sofre de um problema de saúde chamado de Hiperatividade.  Para a medicina, hiperatividade é o mesmo que Déficit de Atenção Hiperativa (DAH), o qual tem sintomas muitos fortes e que podem causar danos ao desenvolvimento de uma criança.

Os sintomas de uma criança hiperativa é não conseguir ficar quieta nenhum segundo, interromper com freqüência a conversa dos adultos; responder mal quando alguém não faz aquilo que deseja; geralmente ninguém consegue brincar com crianças assim e sem contar que elas possuem profunda deficiência na escola, problemas na visão, audição e estresse emocional.

O tratamento mais indicado para uma criança que sofre deste mal só pode ser indicado por um médico, o qual vai diagnosticar se seu filho tem ou não esta doença. Uma vez diagnosticado, boa parte dos médicos passam uma medicação a base de metifenidato, medicamento voltado para acalmar os nervos e também dar mais capacidade de atenção a esta criança.

A tioridazida, por sua vez, funciona como um tranqüilizante, mais recomendado para crianças que possuem algum tipo de agressividade. O restante do tratamento pode ser feito com acompanhamento psicológico e não se esqueça de que amor e compreensão também é um bom remédio para ajudar na recuperação do seu filho.

• Medicamentos só podem ser receitados por médicos sob pena de trazer ainda mais complicações a saúde do seu filho. Não medique seu filho pelo seu próprio entendimento.