Web
Analytics

O que acontece quando uma pessoa se engasga

Quando nos deparamos com uma situação de engasgo geralmente nos assustamos e ficamos sem reação, o que não é nada bom nem para quem assiste nem para o engasgado. A sensação de não poder respirar chega a ser desesperadora. Para saber melhor como reagir a essas situações selecionamos algumas informações importantes para entender o que acontece com uma pessoa quando ela engasga e até mesmo poder ajudá-la.

Essa situação é incomoda para quem vive e para assiste.

Essa situação é incomoda para quem vive e para assiste.

☰ CONTEÚDO

Como acontece o Engasgo

Esse fato ocorre quando quando a traqueia é bloqueada por líquidos, alimentos ou qualquer tipo de objeto. A epiglote, uma espécie de porta da laringe, se movimenta de acordo com a necessidade. A epiglote fica aberta para a passagem do ar até os pulmões, porém quando engolimos algo seja líquido, ou sólido a epiglote fecha para impedir a entrada de alimentos pelo canal errado. Quando a epiglote falha por qualquer motivo inclusive e ingestão muito rápida dos alimentos, o alimento ou o líquido é extraviado e segue pela laringe impedindo o ar de chegar até os pulmões. Quando isso ocorre, o organismo libera jatos de ar para expelir tal alimento. Dessa forma surge o engasgo para abrir a passagem através do jato de ar disparado pelas terminações nervosas da laringe.

Ao invés de ser um meio seguro de resolver a situação de engasgo, os jatos de ar expelidos pelo corpo como defesa por de em alguns casos causar uma obstrução maior das vias aéreas chegando a gerar desmaio e em casos mais extremos a morte.

O que fazer quando alguém engasga

É importante ajudar, mas em casos mais sérios o correto é procurar ajuda especializada.

É importante ajudar, mas em casos mais sérios o correto é procurar ajuda especializada.

Quando o engasgado está conseguindo respirar:

Primeiro, deve-se tranquilizar a vítima, que tende a ficar nervosa e perder o controle da respiração, o que pode ser desastroso.
Faça-a tossir. Pode facilitar a expulsão do corpo estranho.
Se o acidentado estiver tranquilo e não estiver sufocando, pode-se aplicar uma série de tapinhas nas suas costas. Os golpes devem ser dadas com a mão em concha. Esta técnica pode ser realizada com o acidentado em pé, sentado ou deitado. A compressão torácica e a abdominal também são indicadas. Caso nenhuma das tentativas de ajudar o acidentado tenha dado certo, leve-o ao hospital mais próximo.

Quando o engasgado está com as vias respiratórias obstruídas:

Chame o serviço de emergência imediatamente. Ligue para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Basta discar 192. Enquanto o socorro não chega, é importante que sejam feitas as manobras indicadas para expulsão do corpo estranho causador do engasgo, como a compressão torácica e a abdominal.

O que não deve ser feito

Nunca coloque a mão ou qualquer instrumento na garganta da criança para tentar tirar o objeto que está provocando o engasgo, se a criança ainda consegue respirar espontaneamente. Mesmo se o acidente acontecer com um adulto, que não esteja conseguindo respirar, não tente remover o objeto que está obstruindo a passagem de ar sem tê-lo enxergado e identificado antes. Colocar a mão na garganta do acidentado sem essa certificação pode piorar a situação. A compressão abdominal pode ser perigosa se feita em crianças com menos de um ano de idade e em mulheres grávidas. Por isso, nesses casos, a compressão torácica é a indicada.