Quais Vacinas Que Não Podemos Deixar de Tomar?

Cuidar da saúde é fundamental. Sem ela, é impossível tocar projetos, trabalhar, lutar, ser feliz, fazer alguém feliz. A saúde é o grande instrumento para que vida de uma pessoa siga em frente. Isso justifica porque é essencial que cuidemos muito bem da nossa saúde, fazendo tudo que foi preciso para que ela seja preservada.

As vacinas são estas maneiras existentes de zelar pela sua saúde e bem-estar.As vacinas foram feitas para prevenir e combater diversas doenças. Algumas pessoas sofrem de enfermidades que poderiam ter sido facilmente combatidas se tivessem se vacinado devidamente.

Existem seis vacinas fundamentais que devem ser tomadas por todas as pessoas. A primeira delas é a vacina dupla contra difteria e tétano, ela é dada em três doses com intervalo de dois meses cada. Esse ciclo deve ser repetido a cada três anos, para que a imunização continue eficaz. Outra vacina importantíssima é a tríplice-viral, que combate o sarampo, caxumba e rubéola.

A quarta vacina mais importante é a que age contra a hepatite B, que é transmitida pelo sangue. A terceira vacina que não se deve deixar de tomar é a Pneumo 23, que é preventiva contra a pneumonia, ela não é dada nos postos de saúde mas deve ser tomada.

A vacina contra a febre amarela deve ser tomada por todos, já que a doença é transmitida pelo mesmo mosquito que transmite a dengue, o Aedes aegypti. A sexta vacina mais importante age contra uma doença que está em evidência na mídia, pois ceifou várias vidas. Trata-se da vacina contra a influenza (gripe), pessoas com mais de 60 anos podem tomar a vacina gratuitamente nos postos de saúde. Não deixe para depois o que é importante fazer agora. Vacine-se e se preserve.