Second Life – Novas possibilidades SIM

Tá, eu também prefiro minha primeira vida, mas ultimamente o SL (Second Life) está causando um oba-oba gigante na mídia. É artigo sobre o SL pra todo lado.

Mas a oposição anda dizendo que o barulho é alto demais, para o que não passa de um joguinho sem graça e com gráficos bem ruinzinhos. Será?

Empresas como a IBM estão formando times específicos para desenvolver dentro do Second Life (eu estou nele). Se você já está nesse segundo mundo, procure por lá “IBM” na busca, e verá quantas lojas, ilhas e afins já existem. Praticamente todo o site da IBM, com milhões de páginas está sendo ‘migrado’ aos poucos para o Second Life. Você pode ver um servidor em 3D, interagir com ele, ver descrições de serviços e produtos, etc. A Dell, Volkswagen e outras já estão por lá também mostrando seus produtos.

Se há tanto investimento, deve haver um motivo.

Na minha visão, o que é revolucionário não é o Second Life em si, e sim o que todos estão pensando em fazer com isso. Diferente mesmo é o conceito de Web 3.0, ou web 3D. Voando e se teletransportando um pouco mais por lá, você vai começar a entender o potencial da rede. Você pode encontrar as mesmas informações que encontra na internet ‘tradicional’ por lá também, só que em 3D.

Para mim, existe ainda uma outra possibilidade que até assusta. Imagine que você quer lançar um negócio diferente, por exemplo, um restaurante que todo mundo só pode entrar usando um chapéu mexicano e uma cueca de bolinha. Se você investir uma grana alta nisso no mundo real, pode ficar bem frustado quando perder tudo. Então porque não lançar isso no [BP]Second Life[/BP] antes, testar sua idéia, e ver se tem futuro? (Aposto que pode estar cheio de doido por aí louco pra entrar num restaurante assim)

Ou um prefeito que decide implementar uma lei, onde todos tem que andar na rua dançando “E o meu sangue ferve por você”, do Sidney Magal. Ele pode ver antes qual seria a reação do povo perante a novo lei, antes de decretar qualquer coisa por aqui.

Basicamente, o Second Life também pode ser uma segunda chance de se dar bem, para os gordinhos do canto da sala que passaram o colegial todo isolados do mundo.

Se você pensar em potencial, o Second Life pode assustar, pois realmente pode transformar o computador na segunda vida, como é a proposta do jogo.

Mas, se isso vai acontecer ou não, daqui algum tempo, antes do que pensamos, poderemos saber o resultado disso.

 

[bl]Web 3.0, Web 2.0[/bl]

[tags]second life, dell, ibm, 3d, internet, web 3.0[/tags]

Second Life – Novas possibilidades SIM
Avalie esse artigo:

2 Comments

  1. Renato (ainda em Uberaba) 23/03/2007
  2. tonobohn 23/03/2007

Add Comment