Victoza Para Emagrecer – Aviso Para Os Riscos do Uso

Muitas loucuras são feitas pelas pessoas com o objetivo de ficarem magras. A ditadura da estética tem levado tanta gente a tomar medicamentos até mesmo recomendados para outras finalidades no organismo, ficando por isso sujeitas aos riscos de se debilitarem por causa desta atitude impensada e que com certeza passou longe de recomendação médica.

Se antes o excesso dos moderadores de apetite estava tão intenso que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ligou o sinal de alerta, agora é a vez de uma medicação chamada de Victoza estar na mira do órgão. É que esta medicação é recomendada para quem sofre de diabetes, porém, alguns curiosos encontraram nela princípios ativos que levam ao emagrecimento. Mas, agora você estar se perguntando qual a diferença entre o Victoza e os outros inibidores de apetite? É simples.

O sucesso de vendas deste medicamento está no fato de fazer uma pessoa perder até 8 Kg em uma única semana. Quer outra vantagem? Estes 8 Kg vão embora sem precisar sacrificar nenhuma das gostosuras de que você tem o hábito de comer. Claro que isso estaria bom demais se não fosse o grave problema de saúde que o uso do Victoza pode gerar sem usado sem recomendação médica e ainda na condição de emagrecedor.

Entre os mais graves efeitos colaterais estão a pancreatite, diminuição da função dos rins, distúrbios na tireoide e desidratação. Por estas razões é bom compreender que quem quiser emagrecer é mais saudável procurar uma nutricionista e não usar o Victoza Para Emagrecer que é para tratamento de quem sofre de diabetes tipo 2. Cuide da sua saúde, pois, é algo de muito valor.